6 de agosto de 2014

Praia

Meus dedos adentram seus cabelos como ondas suaves que beijam as margens de areia. Seu suspiro estremece meus ombros como a brisa esvoaça a firmeza dos coqueiros. Tal como sol de verão, o calor de nosso abraço agarra e abrasa nossos corpos e alma. E a felicidade nos é dada de modo frágil e recorrente, como conchas coloridas a serem acolhidas com delicadeza, carinho e atenção.