19 de março de 2014

Der Radwechsel

« Sento-me à beira da estrada.
O motorista troca o pneu.
Não quero estar lá, de onde venho.
Não quero estar lá, aonde vou.
Por que assisto à troca do pneu com impaciência? »

(Bertold Brecht, trad. Ricardo Domeneck, via Gustavo Nagel)