28 de novembro de 2013

Desejo de Natal

Que a cidade fosse toda decorada por um lindo céu de estrelas brilhantes e visíveis, ou seja, que toda essa beleza latente e natural viesse à tona. E não só isso, mas que essa manifestação se espalhasse em cada vida aqui existente, e que os sorrisos e abraços fossem em nós não como enfeites empoeirados que ressuscitam a cada final de ano, mas como um céu que, despindo-se de todo prédio e poluição, voltasse a manifestar seu ontológico esplendor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário