6 de abril de 2013

Vida Equilibrada

Vida equilibrada
não é aquela sem extremos.
Pessoa com os braços erguidos, sem nada nas mãos.
 O equilíbrio depende de extremos equivalentes.
Pessoa com os braços erguidos, com um pequeno pacote em cada uma das mãos.
Quanto mais peso em cada um dos lados,
mais raro e belo o equilíbrio.
Pessoa com os braços erguidos, com um grande pacote em cada uma das mãos.
Maior a leitura, melhor a escrita.
Maior o cansaço, melhor o descanso.
Maior o esforço, melhor a recompensa.
Maior o poder, maior a responsabilidade.
Maior o amor, melhor a pessoa a quem se ama.

E quanto melhor tudo isso, maior o risco de desabamento.
Pessoa caída, com dois grandes pacotes caídos no chão.
Resumindo: maior o risco, melhor a vida.
Pessoa com os braços erguidos, sem nada nas mãos.
E vice-versa.

3 comentários: